sexta-feira, 19 de julho de 2024

Sete Lagoas se despede do artista plástico Paulo Horta

Foi sepultado na última segunda-feira (18/12) o artista plástico Paulo Horta. Sete-lagoano, o artista marcou época e ganhou fama quando comandava a criação das fantasias de carnaval da antiga escola de samba Imperatriz Catarinense. Ele já dirigiu na cidade o Centro Regional de Artesanato Maria dos Anjos Macedo (Cramam).

Artista plástico Paulo Horta
Artista plástico Paulo Horta

Uma das últimas exposições de Paulo Horta foi na Casa da Cultura. Intitulada “Do Descarte, Arte”, o artista expôs diversas propostas de objetos de arte (instalação) através de peças muito bem elaboradas. Como matérias primas básicas, Paulo abusou da criatividade na utilização de madeiras de demolição, ferragens antigas, bambus, esteiras naturais, ferraduras, bottons de metal, chitão, entre outros.

“Através de matérias descartadas, criei um conceito diferenciado, aliando uma linha mais rústica a pitadas contemporâneas”, disse o artista na ocasião, em outubro de 2009.  Paulo Horta também fazia arte com sua religiosidade, com a exposição Divinos e outros trabalhos sacros.