sábado, 18 de maio de 2024

Minas Turismo Gerais 17.04.24 | por Sérgio Moreira

Confira as novidades da cultura e turismo em Minas

WTM Latin America reúne mais de 27 mil profissionais de 40 países

O Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult-MG) participa, a partir de 15 de abril a 17 de abril com estande próprio, da World Travel Market (WTM) Latin America, a maior feira de turismo da América Latina, que acontece em São Paulo, no Expo Center Norte. Em três dias de evento, o objetivo é promover o Destino Minas, atrair investimentos e gerar novas oportunidades de negócios e empregos. No “Ano da Cozinha Mineira – Clássica e Contemporânea”, sabores e fazeres dos mineiros serão apresentados como atração turística, além do lançamento de rotas e novas iniciativas.

Estande de Minas na WTM

A participação na Feira WTM 2024 integra o programa Mais Turistas, fortalecendo a atividade no estado, e tem como parceiro o Centro Universitário UniBH. Devido à importância do evento no mercado de turismo, o Governo do Estado e o Sebrae Minas terão um estande na WTM. Oito receptivos vão oferecer aos visitantes produtos e serviços de destinos como as cidades históricas, o Geoparque Uberaba, os roteiros turísticos Rota das Artes, Rota Cafés do Sul de Minas e Café do Cerrado Mineiro, e as regiões da Serra da Canastra, Serra da Mantiqueira, Campo das Vertentes e Cordilheira do Espinhaço. 

Destaque também para o lançamento nacional do ExportaMinas, programa da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge) cujo objetivo é diversificar as exportações dos produtos mineiros com foco na cozinha, e da plataforma “Invest Minas Tur”, que irá conectar investidores a potenciais parceiros. 

Além de diversas ações para apresentar a culinária mineira, com um time de chefs de cozinha 100% feminino, a programação conta também com a mostra “São José – O artesão”, que esteve em cartaz no Palácio da Liberdade, durante a programação do Minas Santa 2024. O estande da Secult também marcará o encontro do jornalista e apresentador Zeca Camargo com o também jornalista e gestor cultural Afonso Borges, que irá anunciar o calendário dos festivais literários de Araxá, Paracatu e Itabira, organizados por Borges.   

Novas rotas turísticas prioritárias de Minas Gerais serão apresentadas durante o evento, em uma parceria do Governo do Estado, por meio da Secult, com o Sebrae Minas e o Sebrae Nacional: o Geoparque Uberaba, reconhecido recentemente como geoparque mundial pela Unesco, a Rota do Café do Cerrado Mineiro, em Patrocínio, no Alto Paranaíba, e a Rota Bahia-Minas, que ganhará reforço para impulsionar o cicloturismo nos vales do Jequitinhonha e Mucuri, regiões impactadas com o fim das operações da extinta ferrovia que ligava Minas ao Sul da Bahia.  Também estão previstas rodadas de negócios direcionadas para grandes players do trade turístico internacional, além de reuniões com criadores de conteúdos digitais e reuniões com representantes da Secult. 

Cozinha Mineira – Ao longo dos três dias de WTM, a cozinha mineira será apresentada por um time 100% feminino. Serão três chefs mineiras cozinhando delícias típicas do estado, levando toda a mineiridade para São Paulo. A ação busca destacar e reconhecer a influência e o impacto das mulheres que sempre estiveram na vanguarda da culinária mineira. Na abertura da feira, na segunda-feira (15), será realizada a “Cozinha de Quintal”, com a chef Valdelícia Coimbra, uma homenagem à culinária caseira, com pratos preparados com ingredientes frescos e locais, muitas vezes cultivados no próprio quintal.

No segundo dia, será a vez da “Cozinha de Favela”, com as chefs Maria da Consolação e Marlene Raimunda, do projeto Circuito Gastronômico de Favelas, acompanhadas da chef Primacota, de Araxá. Nesta ação, são destacadas a criatividade e a resiliência das comunidades de favelas, que conseguem criar pratos deliciosos e nutritivos mesmo com recursos limitados. Também na terça, o vice-governador de Minas Gerais, Mateus Simões, comandará o Cozinha Viva, com o prato Risotto Uai com Costelinha ao Molho de Goiabada Defumada.  

No terceiro e último dia de evento, na quarta-feira (17), será a vez da “Quitandas de Minas”, com as chefs Vânia de Paracatu e Tuquinha de Belo Vale. Essa ação ressalta o papel fundamental das mulheres na culinária mineira, que sempre se mostrou criativa, inclusiva, diversificada e democrática. Elas são conhecidas por suas deliciosas iguarias, perfeitas companhias para os premiadíssimos cafés mineiros. Quem passar pelo estande da Secult também poderá degustar produtos tipicamente mineiros como café, queijos, pães de queijo, azeite, doces e muito mais.  

Mostra São José – Uma outra atração da feira será a mostra “São José – O artesão”. A exposição é um encontro de artesãos de diversos municípios mineiros, selecionados por meio de um chamamento público aos interessados em participar da homenagem à São José. Mais de 100 artesãos de diversos municípios do estado manifestaram interesse e a mostra ficou aberta ao público no Palácio da Liberdade, na segunda quinzena de março, como parte das atividades do programa turístico Minas Santa 2024. Na WTM, serão expostos cerca de 70 itens feitos por 54 artistas de 32 cidades mineiras. 

Vinicius Rosa Rios, natural de Tiradentes, região central do estado, terá sua obra apresentada em São Paulo. A escultura dele, uma representação de São José, foi feita utilizando latão velho, madeira e alguns detalhes com papel-machê. O avô de Vinicius, José Balbino Rosa, conhecido como Nanoia, era um marceneiro renomado na região e uma grande inspiração para o artista. “Sou marceneiro, escultor, pintor e levo com muito orgulho a herança do meu avô. Para mim, é uma emoção poder homenagear meu avô e levo com muito orgulho essa tradição da arte na madeira, da tinta”, conta Vinicius.

A  WTM – A 11ª edição da WTM Latin America, importante encontro que acontece em São Paulo, no Expo Center Norte, de segunda (15) a quarta-feira (17), reunirá mais de 27 mil profissionais, agentes e expositores de países como Argentina, Chile, Equador, Bolívia, Venezuela, Colômbia, México, Peru, Paraguai, Uruguai, Itália, Espanha, França, Alemanha, Portugal, Estados Unidos, Canadá, China, Holanda, México, Ruanda, Tanzânia, África do Sul, Austrália e Azerbaijão, num total de mais de 40 destinos.   Entre as novidades a serem apresentadas pela WTM Latin America nesta edição está a Rota da Diversidade, iniciativa que tem o objetivo de incentivar inovações significativas, reconhecer e destacar projetos inovadores que abordem, de maneira única e criativa, as temáticas de Afroturismo, Turismo LGBTQIA+ e Turismo 60+.

Brasil adia para 2025 exigência de vistos para cidadãos da Austrália, Canadá e EUA

O turismo brasileiro necessita de mais estrangeiros, por ano a média é de cerca de 6 milhões visitantes estrangeiros que entram pelo país, seja por via terrestre ou aérea conforme o registro da Polícia Federal. Por decisão do Governo Federal a exigência do visto para três países seria cobrada a partir desse mês. Para incrementar o mercado de turista estrangeiro, a isenção de visto para cidadãos da Austrália, Canadá e Estados Unidos que desejam visitar o Brasil foi prorrogada para 10 de abril de 2025. 

O adiamento do início da cobrança do visto tem como objetivo garantir a implementação completa do visto eletrônico, chamado e-Visa, disponível no endereço eletrônico: https://brazil.vfsevisa.com. A nova forma de solicitar o documento possibilita a praticidade e conveniência da emissão do documento 100% eletrônico, dispensando o comparecimento do interessado nos consulados brasileiros.

BH Airport com novas frequências para Lisboa e Bogotá

Comemorando os 40 anos de fundação, o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte está projetando o mês de abril mesmo sem nenhum feriado prolongado, será movimentado no BH Airport: a previsão é que circulem pelo terminal mais de 970 mil passageiros, o que representa um crescimento de 16% em relação a 2023. O número também supera o patamar do mesmo mês no período pré-pandêmico, representando um crescimento de 10% em relação a abril de 2019.

Segundo o gestor de Conectividade e Aviação, Clayton Begido, os números positivos são um reflexo do crescimento no número de viagens nos últimos meses, principalmente para atender a uma demanda reprimida desde o retorno das atividades turísticas pós-pandemia. A estimativa é que, em abril, o número de pousos e decolagens cresça 17% em relação ao mesmo mês no ano passado e 14% em relação a abril de 2019.

“O setor ainda se recupera das consequências da pandemia, mas agora já podemos falar em crescimento e de volta aos patamares pré-pandêmicos, como já demonstram os números do mês de abril. Além disso, é importante destacar o trabalho do BH Airport para a expansão de rotas, o que contribui para a atração de cada vez mais passageiros. Em 2023 ampliamos em 30% o número de destinos, fortalecendo as conexões de Minas Gerais com cerca de 70 destinos dentro e fora do país”, afirma.

De Minas para o mundo- Em abril, os passageiros também vão encontrar mais frequências de voos para o exterior. Desde o dia 31 de março, a TAP oferece mais uma frequência para Lisboa (Portugal), totalizando 7 voos semanais para o destino e tornando a rota oficialmente diária.  No dia 1º de abril, a Avianca aumentou o número de voos para Bogotá (Colômbia), passando de 3 para 5 por semana.

Em 2023 o BH Airport alcançou a marca de 8 destinos internacionais, o que representou um crescimento de 4 vezes em relação a 2022. Além de Lisboa e Bogotá, o terminal tem voos recorrentes para Cidade do Panamá (Panamá), Willemstad (Curaçao) e Santiago (Chile), além de Buenos Aires, na Argentina, (previsto para retornar em julho) e Fort Lauderdale e Orlando, nos EUA (previstos para retornarem em junho).

Em breve, os amantes do Chile ainda terão mais seis voos semanais para Santiago. Em junho a Sky chega com três voos semanais para o destino e, em julho, a Latam vai aumentar a frequência dessa mesma rota, passando de três para seis vezes por semana.

Outros destinos atendidos – Além dos 8 destinos internacionais, o BH Airport oferece outros 52 domésticos e regionais, o que o torna o terceiro maior do Brasil em oferta de destinos no Brasil.

Em Minas Gerais, os destinos são: Araxá; Governador Valadares; Ipatinga; Juiz de Fora; Manhuaçu; Montes Claros; Paracatu; Patos de Minas; Salinas; Teófilo Otoni; Uberaba; Uberlândia e Varginha.  No Brasil, o terminal oferece os seguintes destinos: Aracaju (SE); Barreiras (BA); Belém (PA); Brasília (DF); Cabo Frio (RJ); Caldas Novas (GO); Campina Grande (PB); Campinas (SP); Cuiabá (MT); Curitiba (PR); Florianópolis (SC); Fortaleza (CE); Foz do Iguaçu (PR); Goiânia (GO); Guanambi (BA); Ilha de Comandatuba (BA); Ilhéus (BA); Imperatriz (MA); Jericoacoara (CE); João Pessoa (PB); Lençóis (BA); Linhares (ES); Maceió (AL); Marabá (PA); Natal (RN); Palmas (TO); Parauapebas (PA); Parnaíba (PI); Porto Alegre (RS); Porto Seguro (BA); Porto Velho (RO); Recife (PE); Ribeirão Preto (SP); Rio de Janeiro – Galeão (RJ); Rio de Janeiro – Santos Dumont (RJ); Salvador (BA); São Luís (MA); São Paulo – Congonhas (SP); São Paulo – Guarulhos (SP); Teresina (PI); Vitória (ES) e Vitória da Conquista (BA).

Cobrança do couvert artístico

O Couvert Artístico é uma taxa cobrada por bares, restaurantes e outros estabelecimentos que oferecem apresentações musicais ou artísticas ao vivo. Essa taxa visa a remunerar os artistas e cobrir os custos da apresentação.

O Código de Defesa do Consumidor estabelece que o pagamento do couvert artístico é opcional, ou seja, o cliente tem o direito de escolher se deseja ou não pagar a taxa. Mas se o consumidor for informado de forma clara e prévia sobre a cobrança e fizer a escolha de permanecer no local para usufruir do serviço do entretenimento, então a cobrança é legítima e o Couvert Artístico passa a ser obrigatório. 

Para que a cobrança do couvert artístico seja válida, Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA) juntamente com seu jurídico recomendam que o estabelecimento siga as seguintes regras: informar o cliente sobre a cobrança de forma clara e visível, em local de fácil acesso (como na entrada do estabelecimento, no cardápio ou na mesa); informar o valor do couvert ao cliente antes da consumação e repassar o valor integral ao artista ou grupo responsável pela apresentação.  É necessário que o estabelecimento tenha alvará (licença municipal) para exibição de música ao vivo e, sobre o valor do couvert musical, deve-se pagar o Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) à municipalidade.

Capital mineira participa de eventos do turismo

A Belotur, representando o destino Belo Horizonte, estará presente em três importantes feiras do setor de turismo no mês de abril. Entre os dias 15 e 17, a empresa municipal participa da WTM Latin America, evento que acontece em São Paulo e busca posicionar a região como um dos  destinos mais importantes da indústria mundial de viagens e turismo. Nos dias 19 e 20, o poder municipal estará presente na 8ª Rodada de Negócios da Foco Operadora, que reunirá uma série de fornecedores internacionais em Pernambuco. Já nos dias 26 e 27, a capital mineira será a sede do Minas Travel Market (MTM), agenda que promete reunir mais de 2 mil profissionais do Turismo no Minascentro. 

A participação da Prefeitura de Belo Horizonte na WTM representa uma grande oportunidade para o avanço na valorização da gastronomia mineira e na consolidação da capital como um importante destino turístico gastronômico. Durante o evento, no espaço da Belotur, inspirado nos tradicionais bares da cidade, haverá uma cozinha show ao vivo com a chef Tainá Moura, apresentando os pratos típicos mineiros, como o tropeiro, o torresmo, o fígado com jiló e o pão de queijo com pernil. Também haverá atividades em conjunto da Belotur com o Mercado Central, que completa 95 anos de fundação em 2024, e com a Lalka, primeira fábrica de balas e chocolates artesanais de Belo Horizonte.

Os receptivos ‘HT Happy Travel’ e ‘Sensações Turismo’ farão parte da comitiva belo-horizontina no evento, divulgando roteiros exclusivos da cidade, com destaque especial para o Conjunto Moderno da Pampulha. Outro importante momento da WTM será o lançamento do projeto ‘Rota da Diversidade’, que irá abranger iniciativas que promovam o Turismo LGBT+, o Afroturismo e o Turismo 60+. As ações selecionadas receberão destaque no mapa da feira com o selo da ‘Rota da Diversidade’ e terão a oportunidade de participar de ações exclusivas, que serão divulgadas posteriormente. A Belotur inscreveu o roteiro ‘Belos Horizontes Negros’, da empresa Sensações Turismo, juntamente com o Guia LGBTQIAPN+, para participar da ação.

“É com grande alegria e entusiasmo que destacamos a presença de Belo Horizonte na WTM, uma das mais importantes agendas do setor de turismo do continente, que abre o calendário das grandes feiras no país. A gastronomia e o Conjunto Moderno da Pampulha serão mais uma vez apresentados ao mercado mundial, destacando o que a capital mineira tem de melhor em roteiros exclusivos, do tradicional ao contemporâneo. O grande objetivo da nossa participação é mostrar que Belo Horizonte não é uma cidade de passagem, e sim um destino com diversas possibilidades e experiências autênticas. Destaco também a MTM, que terá a capital mineira como anfitriã, reforçando o posicionamento da nossa cidade como um importante destino de eventos de grande porte”, comenta Marina Simião, diretora de Marketing e Promoção Turística da Belotur.

Com o tema ‘The Future is Open. Be The Change’, a WTM Latin America 2024 reunirá o trade do turismo de todo o mundo em 3 dias repletos de inovação, aprendizado e muito networking. Será uma oportunidade para que destinos, operadoras de turismo, hotéis, companhias aéreas, locadoras de carros, empresas de tecnologia, e outros players do mercado tenham acesso a produtos exclusivos e lançamentos dos maiores nomes do turismo global.

8ª Rodada de Negócios da Foco Operadora – Na 8ª Edição, a ‘Rodada de Negócios’ da Foco Operadora se estabeleceu como a maior agenda de turismo da região Nordeste, reunindo os melhores agentes de viagens dos mercados do Rio Grande do Norte, Paraíba, Sergipe, Ceará e Pernambuco. Com a participação de mais 600 profissionais de todo o país e mais de 100 expositores, vindos não só do Brasil, mas também da América do Sul e Europa, a ‘Rodada de Negócios’ se consolidou como um ponto de encontro essencial para aqueles que desejam fazer transações no ramo do turismo.

A participação da capital mineira na agenda será como destino expositor, destacando Belo Horizonte como uma cidade surpreendente, apresentando os roteiros gastronômicos, os grandes eventos da cidade, como o Carnaval e Arraial, e o programa ‘Belo Horizonte Receptiva’, iniciativa que visa promover o turismo local através das agências de receptivo e guias de turismo. A Belotur terá um balcão exclusivo para atender os agentes participantes, oferecendo uma capacitação de 20 minutos para os profissionais interessados.

A importância da presença da Prefeitura de Belo Horizonte na agenda se deve a continuidade do trabalho de promoção que está sendo feito diretamente com agentes e operadoras, colocando o destino na prateleira dos principais atores do segmento, considerando principalmente o Nordeste como um importante polo emissor de turistas para a cidade.

Minas Travel Market – Nos dias 26 e 27 de abril ocorrerá no Minascentro a primeira edição da Minas Travel Market (MTM), evento que substitui o antigo Salão do Turismo de Minas Gerais, da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV). Inspirado e idealizado pelos mesmos criadores do Brazil Travel Market (BTM), em Fortaleza, uma das maiores feiras de turismo do continente, a MTM promete ser um sucesso e reunir grandes nomes do setor. Nesta primeira edição, a capital mineira será a cidade anfitriã e a Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, está apoiando a iniciativa.

O poder municipal terá um destaque especial no evento, apresentando experiências exclusivas de Belo Horizonte em uma área de 140 metros quadrados, localizada entre os estandes 70 e 79. Como ocorrerá na WTM, serão promovidos roteiros distintos da cidade, destacando dois dos mais notáveis patrimônios belo-horizontinos: o Conjunto Moderno da Pampulha e a Gastronomia.

Praia Bonita Resort em Praia de Camurupim 

A apenas alguns passos da deslumbrante Praia de Camurupim, encontra-se o Praia Bonita Resort, um verdadeiro refúgio de tranquilidade e diversão em Nísia Floresta, no litoral do Rio Grande do Norte. Com sua localização privilegiada, pé na areia e próxima à encantadora Lagoa de Arituba, este resort oferece uma experiência única para quem busca relaxamento e entretenimento em meio à natureza da região.

Para aqueles que desejam aproveitar ao máximo sua estadia, o Praia Bonita Resort apresenta uma promoção especial: um pacote de 5 dias e 4 noites a partir de R$ 1.248,00 para 2 adultos e 2 crianças de até 12 anos, com café da manhã incluso. Uma oportunidade imperdível para desfrutar de momentos inesquecíveis em família. A promoção é válida de 01/04 a 31/08, com exceção para o período entre 20/06 e 20/07.

Além disso, durante sua estadia, os hóspedes têm acesso a uma variedade de atividades e comodidades. Recreadores estão disponíveis para entreter as crianças, enquanto o parque aquático oferece diversão refrescante para todas as idades. À noite, os visitantes podem desfrutar de um emocionante mini show temático, com couvert artístico incluso. 

Para garantir o conforto e a conveniência dos hóspedes, o Praia Bonita Resort oferece opções de refeições para todos os gostos. Pacotes de refeições com buffet, sobremesas e bebidas não alcoólicas inclusas estão disponíveis por R$ 350,00 para 4 jantares ou R$ 650,00 para 4 almoços e 4 jantares. Pais que desejarem adquirir o pacote de refeições para crianças de 8 a 12 anos terão um desconto de 50% para os menores. Além disso, há a possibilidade de comprar refeições avulsas, pizzas, sanduíches ou optar pelo menu executivo.

Os serviços diários de entretenimento e lazer, das 09h às 17h, garantem que não haja um momento de tédio durante a estadia. E para maior flexibilidade, cada diária adicional ou redução acrescenta ou diminui o valor do pacote de hospedagem com café em 20%.  informações: WhatsApp (084) 98823-9090 e www.praiabonita.com

Santa Casa BH destaca em transplantes de órgãos

Em 2023, ano em que o Brasil registrou o melhor resultado em transplantes de órgãos na última década (só entre janeiro e setembro, foram 6.766, segundo o Ministério da Saúde), a Santa Casa BH se consolidou como o segundo maior hospital transplantador cardíaco do país. Ao todo, 31 pacientes ganharam um novo coração, graças à solidariedade de doadores anônimos, o que equivale a uma média de 2,5 cirurgias por mês. Esse número também representa um recorde anual da própria instituição, desde que os transplantes cardíacos começaram a ser feitos, em 2019. Considerando os demais órgãos sólidos (rins, fígado, córnea), além de tecidos, células e medula óssea, a Santa Casa BH realizou 355 transplantes, no último ano.

O ranking anual de hospitais é divulgado pela Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO). Segundo a entidade, a Santa Casa BH, que é a maior instituição transplantadora de Minas Gerais, figurou em segundo lugar no cenário nacional, juntamente com o Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, e o Instituto de Cardiologia do Distrito Federal, em Brasília. Em primeiro lugar, ficou o Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (InCor).

Para o médico coordenador do programa de transplante cardíaco da Santa Casa BH, Dr. Silvio Amadeu de Andrade, alcançar esse resultado é uma prova tangível do compromisso contínuo da instituição com a vida e o bem-estar dos pacientes.

“O programa de transplante cardíaco da Santa Casa BH foi instituído com o propósito de oferecer um serviço de excelência, sendo referência não só em quantidade, mas principalmente em qualidade. Assim como todo o setor de Transplantes, nosso corpo clínico e assistencial atua de ponta a ponta, desde a efetiva abordagem de familiares de potenciais doadores de múltiplos órgãos internados na instituição, passando pela realização dos transplantes e indo até o acompanhamento dos pacientes por toda sua vida”, explica Dr. Sílvio.

Toda a expertise adquirida pelos profissionais do transplante cardíaco da Santa Casa BH fez com que o programa despontasse rapidamente no cenário nacional. “O feito de ser o segundo hospital que mais realizou transplantes cardíacos no Brasil, em 2023, é ainda mais notável, se considerarmos que o programa teve início há relativamente pouco tempo, em 2019. Naquele ano, fizemos 14 transplantes, quatro anos depois, apresentamos um crescimento de 121,4%. É uma grande conquista e estamos muito orgulhosos. Mais do que números, isso significa que ajudamos a devolver a esperança e a salvar a vida de pacientes com doenças cardíacas graves”, ressalta o médico coordenador. 

Nesse cenário de crescimento do número de transplantes cardíacos, a Santa Casa BH, reforçando seu posicionamento de levar saúde de ponta para todos, está comprometida em difundir as melhores práticas e compartilhar conhecimento com outros profissionais de saúde. Para isso, neste ano, o maior hospital transplantador de Minas Gerais abriu uma vaga de fellowship em transplante cardíaco – treinamento especializado com duração de um ano -, por meio de um edital da Faculdade de Saúde Santa Casa BH, com o objetivo de proporcionar ao médico a oportunidade de agregar conhecimento e estagiar no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, para aprimorar sua experiência.

Excelência em transplantes – Comprovando a excelência do serviço, a Santa Casa BH recebeu, também no ano de 2023, o selo Nível A em transplantes, concedido pelo Ministério da Saúde. A certificação, que é a qualificação máxima concedida a hospitais de todo o Brasil que integram o Sistema Nacional de Transplante (SNT), é baseada na análise de indicadores relativos a volume, segurança e qualidade da assistência prestada, com o intuito de aperfeiçoar os mecanismos de controle dos procedimentos. 

A classificação tem, ainda, o objetivo de estabelecer o custeio diferenciado para a realização de transplantes de órgãos e células, em conformidade com o desempenho de cada instituição. 

Como se tornar um doador de órgãos -Até o início de 2024, não havia forma oficial reconhecida de uma pessoa informar aos seus familiares a sua intenção de ser doadora de órgãos. No entanto, no último dia 2 de abril, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em conjunto com os cartórios, lançou a campanha “Um Só Coração: Seja Vida na Vida de Alguém”, que instituiu uma forma eletrônica, segura e gratuita de manifestar esse desejo. Para se cadastrar, basta preencher um formulário, pelo aplicativo “e-notariado” ou pelo site: https://aedo.org.br/  

Informações para a coluna enviar para   sergio51moreira@bol.com.br 

Jornalista Sérgio Moreira
Divulgação sobre o Turismo, Gastronomia e Cultura. Instagram @sergiomoreira63
Anuncio #1
Anuncio #2
Anuncio #3