segunda-feira, 15 de julho de 2024

Zagallo sai de cena depois de respirar futebol por 92 anos

O tetracampeão mundial nos deixou nesta sexta-feira (5); CBF decreta luto de sete dias pela morte da lenda do futebol

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Maior campeão do mundo de todos os tempos, reverenciado e admirado por uma legião de fãs, ídolo de várias gerações, Mário Jorge Lobo Zagallo morreu nesta sexta-feira (5), aos 92 anos. O anúncio foi feito nas redes sociais do ex-treinador e ex-jogador da Seleção Brasileira.

Titular nas Copas de 1958 e 1962, técnico do timaço de 1970 e coordenador da Seleção no Mundial de 1994, Zagallo ergueu quatro troféus de Copas do Mundo. Insuperável nos quase 100 anos de história da competição.

Amigos, treinadores, jogadores e dirigentes esportivos de todo o planeta lamentaram a partida do Velho Lobo, como costumava ser chamado. 

“A CBF e o futebol brasileiro lamentam a morte de uma das suas lendas, Mário Jorge Lobo Zagallo. A CBF presta solidariedade aos seus familiares e fãs neste momento de pesar pela partida deste ídolo do nosso futebol”, afirmou o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues.

“A CBF decreta luto de sete dias em homenagem ã memória do seu eterno campeão e se compromete em revernciar o seu legado. Em 2022, inauguramos uma estátua em homenagem ao eterno campeão no Museu da CBF e não esqueceremos da emoção que compartilhamos”, completou o presidente da CBF. 

Fonte: CBF