quarta-feira, 24 de abril de 2024

Cardiologista que retirou DIU de paciente que morreu após procedimento, feito em clínica particular em Matozinhos, é preso

A Polícia Civil prendeu na sexta-feira (17) o médico cardiologista, Roberto Márcio Martins de Oliveira, que realizou a retirada do dispositivo intrauterino (DIU) de Jéssica Marques de Vieira, de 32 anos, que morreu após o procedimento feito no último sábado (4).

Jéssica Marques de Vieira, de 32 anos
Jéssica Marques de Vieira, de 32 anos

O homem foi localizado e detido em Matozinhos. O procedimento foi realizado na Clínica Med Center, na mesma cidade, que inclusive foi interditada pela Prefeitura Municipal de Matozinhos. VEJA MATÉRIA AQUI

Os agentes o localizaram em uma rua da região e cumpriram um mandado de prisão preventiva contra ele. O investigado está sendo encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Vespasiano para exame de corpo e delito.

Retirada do DIU
A vítima foi à clínica acompanhada do pai e do companheiro para o procedimento de retirar às 7h30. Cerca de duas horas depois, Jéssica ainda não havia deixado o local e funcionários de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) chegaram ao local com desfibrilador em mãos e encaminharam a vítima para uma ambulância. Neste momento, o pai, que trabalha como vigilante e tendo realizado cursos de primeiros socorros e brigadista, percebeu que a filha estava sem vida.

O médico foi questionado pelo pai que, segundo o registro policial, negou que a jovem estivesse morta e disse haver feito o procedimento de ressuscitação por 19 vezes. Porém, o esposo foi impedido de acompanhar Jéssica na ambulância. O pai e o companheiro foram até a UPA para acompanhá-la, mas disseram que não conseguiram ter notícias.

Anuncio #1
Anuncio #2
Anuncio #3