sábado, 22 de junho de 2024

Itabirito x Galo, hoje no Mané Garrincha, e comentários sobre Rodrigo Caetano, Vitor e Felipão | por Chico Maia

Considerações sobre Rodrigo Caetano, Felipão, e Itabirito x Galo, hoje em Brasília

Sempre gentil com os torcedores, Arana atendeu a todos que foram receber a delegação no hotel em Brasília (foto: twitter.com/Atletico)

Quando ficou definido que o Rodrigo Cateano iria para a CBF, postei trecho da opinião do comentarista do blog, Pedro Vitor, e volto a ele: “… Alan Kardec, Patrick, Pedrinho, e Vargas, somados dão 4 milhões de prejuízo ao Atlético, e ainda tem o Mariano, que fisicamente, já não suporta ser titular…”

Desses jogadores, o Caetano não contratou Mariano e Vargas. Não conseguiu contratar um lateral direito à altura do atual elenco do Galo, nem conseguiu se livrar do Vargas, apesar de muitas tentativas. Nem do Alan Kardec.


Para mim, fez um bom trabalho no Atlético. É um dos bons executivos de futebol do país e merece o cargo que terá na CBF. Há vários outros bons no mercado. Que que os donos do Galo tenham competência para identificar e contratar o melhor para o clube. O ex-goleiro Vitor é ótima pessoa, mas será que está apto para essa função?
O Cruzeiro foi brilhante nisso em dois momentos importantes de sua história recente, quando Zezé Perrela buscou Eduardo Maluf, que era presidente do Valeriodoce de Itabira, e depois quando o Dr. Gilvan de Pinho Tavares “achou” o Alexandre Matos no América.

Foto: twitter.com/Atletico
Rodrigo Caetano teve grandes acertos e também grandes erros em sua passagem por Belo Horizonte, onde está desde 2021. Contratou 26 jogadores: Hulk, Dodô, Nacho, Tchê-Tchê, Diego Costa em 2021. Ademir, Fábio Gomes, Godin, Otávio, Jr. Alonso, Jemerson, Alan Kardec, Pedrinho e Pavón, em 2022.
Paulinho, Bruno Fuchs, Edenilson, Paulo Henrique, Igor Gomes, Patrick, Maurício Lemos, Saravia, Battaglia e Allan Franco em 2023. E este ano, Gustavo Scarpa e Bernard, que chegará em julho.
Com ele, Cuca foi o técnico em dois períodos, o Turco Mohamed, Eduardo Coudet e Luiz Felipe Scolari.
Sucesso a ele na nova missão!

Sobre Luiz Felipe Scolari, continuo com a mesma opinião de quando ele chegou: o Atlético precisa de um técnico mais atualizado e com mais empolgação para o cargo.
Mais ou menos o mesmo que pensam atleticanos que sempre comentam aqui e na minha página no facebook:


Claudio Vaz de Melo
Grande Chico!
Não sou mais fã do Felipão e explico o porquê; nunca tive paciência de ouvir entrevistas de jogador e nem de técnico.
Mas hoje tive a curiosidade de ver a entrevista coletiva do Felipão e vou te falar uma coisa.
O “pobre” senhor se vira nas respostas, fazendo rodeios sem nexo e que acabam por confundir ainda mais a cabeça do pobre torcedor.
Infelizmente, chego à conclusão de que ele, definitivamente, ele já se cansou desta rotina na qual vive há muitos anos, e que precisa se aposentar, para seu próprio bem e para o bem do nosso Galo.

Carlos Rajao Neto
Zaga horrível, treinador péssimo , meio de campo mal escalado, mudança já,!!

Thaysa Gabrielle
Chico vcs e a voz da torcida,esse Felipão só sabe criticar a torcida hj ele criticou a torcida de novo

Silvio Torres
Acho que descobri qual é a estratégia da Família Scolari. Jogar pedrinha, matar na canela, errar passes, dar chances ao adversário, zanzar pelo campo como um bando de desorientados. Ou seja, fingir que é um time de merda e, na hora agá, quando os oponentes se convencerem disso, vai lá e pimba!

Júlio César Ramos
Com Felipão o Galo não vai a lugar algum! O que ele diz nas coletivas pos jogo é birrazo. Irritante. O posicionamento e insistencia com alguns jogadores é inexplicavel.
Por isso não explica nada. Tipo Scarpa de secretario do Arana.
Edenilson, péssimo desde que chegou. Quando faz um golzinho vem “uns e outros” pra enaltecer. Então não adianta contratar porque ele não sabe como aproveitar.
Pontuar a ineficiencia do Paulinho. Quando chegou, perdia 10 chanches incriveis pra conseguir marcar um gol. Ontem foram duas; uma com assistencia do jovem Alison.
E a Tombense teve 3 cara a cara com Everson. Sairia vencedor!
Falando em contratações, procuram jogador de “beirada”. Não é o Pavon? Que o Gremio quer justamente pra isso?
Quer um centro avante: porque não o Isac?
Não é chamar os jovens faltando 10 minutos pra terminar o jogo. É dar sequencia!
Sim, jovens; não essa de “menino”.
Meninos é como os pais se referem aos filhos pra sempre.

Para concluir, vejam aí a simpatia do Breno Galante (direita), que tem ótimos canais virtuais e brilha também no portal O Tempo. Foi ontem, no hotel onde está o Atlético, em Brasília, recebendo com a gentileza de sempre o caratinguense Fábio Anselmo (irmão do saudoso comentarista Flávio), que mora lá há décadas. Com o Fábio (camisa branca do Galo), o filho Rodrigo (esquerda), os netos, Dante, Francisco, Rafael e Clara, junto ao Galante. Obrigado à família Anselmo pelo envio da foto!

Jogo confirmado para no estádio Mané Garrincha, 16h30. Pressionado por causa do fraco desempenho até agora no campeonato, o time deverá correr mais hoje e fazer o que a torcida espera dele.