quarta-feira, 24 de abril de 2024

Araçaí promove Caminhada Ecoliterária e alunos conhecem mais sobre Guimarães Rosa

O percurso, que teve início na escola e se estendeu até a fazenda do Criolo, marcava o Caminho da Boiada em Araçaí (MG)

Na manhã de uma terça-feira (14/11) os alunos da Escola Municipal Jorge Mascarenhas, em parceria com o Departamento de Cultura de Araçaí, embarcaram em uma jornada única durante a Caminhada Ecoliterária.

O evento, integrado ao Circuito Guimarães Rosa e inserido no Projeto “70 anos de Rosa no Caminho da Boiada”, contou com a participação especial do Caminho do Sertão, um grupo formado por ex-Miguilins.

O percurso, que teve início na escola e se estendeu até a fazenda do Criolo, marcava o Caminho da Boiada em Araçaí/MG. Este trajeto pitoresco proporcionou aos participantes a oportunidade de imergir nas narrativas do renomado escritor Guimarães Rosa. O grupo foi guiado por músicas que serviam como preâmbulos, criando uma atmosfera única que preparava o terreno para as histórias retiradas das obras do autor.

À sombra de árvores centenárias e com o cenário rural como pano de fundo, os contadores de histórias do Caminho do Sertão trouxeram à vida trechos memoráveis das criações literárias de Guimarães Rosa. As narrativas ganharam vida à medida que os participantes caminhavam, transformando a experiência em uma verdadeira viagem pelo universo singular do autor.

O ponto final da caminhada foi na fazenda do Criolo, representando o término simbólico do Caminho da Boiada em Araçaí/MG. Esse momento culminante permitiu aos participantes absorverem não apenas as histórias, mas também a riqueza cultural e histórica que permeia a região.

A Caminhada Ecoliterária foi mais uma iniciativa bem-sucedida apoiada pela Prefeitura Municipal, reforçando o compromisso da gestão “Todos por Araçaí” (2021/2024) em promover atividades educativas e culturais que enriquecem a experiência dos cidadãos. “Eventos como esse não apenas conectam as novas gerações com a rica herança cultural, mas também fortalecem os laços comunitários e a valorização do patrimônio local”, afirmou o prefeito Marcio Kalú.

Anuncio #1
Anuncio #2
Anuncio #3