sábado, 22 de junho de 2024

Termina nesta quarta-feira o prazo para regularização do Censo Previdenciário em Minas

Servidores efetivos ativos do Poder Executivo, aposentados e pensionistas do Ipsemg são obrigados a realizar o procedimento para não perder o benefício

O Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (Ipsemg) reforça que o prazo para a regularização do Censo Cadastral Previdenciário do Regime Próprio de Previdência (RPPS) termina nesta quarta-feira, dia 14 de fevereiro. O procedimento pode ser realizado pelo site do Ipsemg. 

Até o momento, cerca de 17 mil pensionistas do Ipsemg, aposentados e inativos do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais ainda não realizaram o procedimento e poderão ter o benefício suspenso. Ainda, mais de 10 mil servidores efetivos ativos também não realizaram e poderão sofrer medidas administrativas. Sete Lagoas aparece no ranking das cidades com mais pensionistas irregulares.

O 1º Censo Previdenciário do Poder Executivo do Estado de Minas Gerais foi realizado no período de junho a dezembro de 2023. No entanto, cerca de 40 mil servidores entre aposentados, pensionistas e ativos não haviam realizado o procedimento. Com isso, no dia 13 de janeiro foi publicado um edital com a relação de todos os nomes e o prazo de regularização. Clique aqui para conferir. 

Após o prazo de regularização, será divulgado um novo edital com a relação dos nomes que não atenderam às exigências e terão, efetivamente, seus benefícios suspensos em fevereiro e a ser pago em março de 2024.

Fonte: Agência Minas