segunda-feira, 22 de julho de 2024

Prefeitura divulga detalhes da obra no viaduto de acesso ao Clube Náutico

Programa Provias 7L prevê obras em várias ruas, mas serão realizadas em pequenos trechos por vez 

O Provias 7L, maior programa de recuperação de ruas e avenidas da história de Sete Lagoas, chegou esta semana à rua Santa Luzia. Uma etapa, planejada pela Prefeitura, para também colocar fim a um transtorno que, inclusive, coloca em risco a vida e o patrimônio de moradores, motoristas e pedestres durante fortes temporais. Um conjunto de obras que, neste momento, também inclui a avenida Guimarães Rosa, cujas obras tiveram início na semana passada.

As obras de drenagem no início da rua Santa Luzia foram iniciadas nesta quinta-feira (14). Como serão necessárias escavações para instalação de grande manilhas, a alça que dá acesso à rua para quem chega pela avenida Norte Sul está interditada. “Está é uma intervenção estratégica para resolver um problema crônico de inundação no trecho próximo ao Clube Náutico. O trecho de aproximadamente 100 metros ficará fechado por cerca de 20 dias em razão da profundidade da rede”, explica Antônio Garcia Maciel, secretário Municipal de Obras. 

A obra será realizada em fases para que apenas pequenos trechos das vias sejam interditados momentaneamente. Enquanto isso, rotas alternativas devem ser utilizadas. Inclusive, um trabalho especial de reorganização do trânsito será coordenado pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana. “Quem precisa passar neste trecho deve pegar a rua Itabira, a primeira após o viaduto à direita. Um trabalho especial será realizado em ruas da região para melhorar o fluxo neste momento de interdição”, completou Antônio Garcia Maciel. 

Este conjunto de obras do Provias 7L envolve 2,6 km de pista da avenida Guimarães Rosa, 1 km do trecho da rua Santa Luzia até a rua Ricardo Hebach, e também as ruas Ricardo Hebach e Cordisburgo. “A pavimentação da Guimarães Rosa começa na rua Santa Juliana e termina na Santa Luzia. São quatro projetos integrados nesta fase e a previsão de conclusão total é de quatro a cinco meses”, destaca Antônio Garcia Maciel. 

A obra é complexa e gera transtorno temporário, mas seu resultado é aguardo há décadas. O projeto garante a instalação de um potente sistema de captação que suportará todo fluxo de água mesmo em momento de fortes tempestades. “Começamos hoje o serviço de drenagem profunda com escavações de cinco metros para a instalação de tubos de concreto de 1200 milímetros. Um trabalho que requer cuidado por questões como escoramento de vala e segurança dos trabalhadores. Em 20 dias chegaremos na Guimarães Rosa e este trecho será liberado”, explicou o engenheiro Flávio D’Amato, diretor da empresa responsável pela obra de drenagem.

O programa Provias 7L foi colocado em prática com força total pela Prefeitura de Sete Lagoas no ano passado. Neste momento, obras de grande alcance estão sendo realizadas também nas avenidas Padre Tarcizo e Sabará e ainda na rua Rei Salomão. Na primeira fase foram contempladas a avenida Raquel Teixeira Viana e a rua Benjamin Constant, nos bairros Centro e Canaã, respectivamente.

Fonte: PMSL