quinta-feira, 18 de abril de 2024

A costura raiz sobrevive, cada vez mais profissional e exclusiva: com vocês, Cleidinha!

A costureira profissional Cleide Guilherme (67 anos), está completando 50 anos de profissão. No seu cantinho próprio, no bairro Verde Vale, em Sete Lagoas, ela transforma aquela roupa que você viu em seu ator ou atriz preferidos, a sua vestimenta exclusiva que não encontrará nas grandes redes de shopping e similares.

Cleide, a Cleidinha, costureira sob medida há 50 anos
Cleide, a Cleidinha, costureira sob medida há 50 anos. Foto: Edilse Maia

Cleidinha começou a costurar com 17 anos, de forma profissional. Porém, ainda aos nove anos, já fazia peças para sua mãe e pai, na cidade de Frutal, ali pertinho de Uberaba e Uberlândia. Hoje em Sete Lagoas, ela atende desde o simples pano de prato a vestido de noivas, debutantes e, também, aquela fantasia do seu personagem favorito.

“Eu amo o que faço, mãe costureira, e que foi criada junto com uma tia também costureira, vem de família. É o tipo de profissão que está sendo extinta, infelizmente. As pessoas mais velhas, que tem o conhecimento, que faz a moda acontecer, para todos os bolsos, estão morrendo. Hoje, as pessoas procuram pronto, o que é produzido em escala industrial, como mágica. Mas há quem goste e procura o alfaiate ou sua costureira profissional, que vai te entregar um produto sob medida, desde a um pequeno ajuste a uma roupa de princesa”, ressaltou Cleidinha.

Um dos vestidos confeccionados em casa
Um dos vestidos confeccionados, com Nara Valadares. Foto: Arquivo pessoal

A partir de fevereiro de 2024 a costureira, naquele cantinho especial, vai estar com agenda aberta. Para confeccionar aquela roupa que você quer usar para trabalhar, até o traje que você um dia vai vestir em uma data pra lá de especial. Contato: (31) 9 9792-8203; Instagram – @cleideguilherme_atelie

Mas, o que é uma costureira raiz?

A costureira é a profissional que trabalha com confecção de roupas sob medida ou a partir de um modelo padrão (manequim), tirando medidas, escolhendo o tecido, cortando, costurando e também fazendo ajustes nas peças, como bainhas, alterações, etc. 

A costureira corta e monta pedaços de tecido para criar um modelo exclusivo, geralmente falamos de costureira para mulheres e alfaiate para homens. A profissão de costureira exige ter um senso de medidas e um bom conhecimento dos tipos de tecidos existentes, sua aderência e sua resistência a longo prazo. 

A costureira deve ter conhecimento da moda e das tendências atuais para assessorar seus clientes. Ela também deve possuir habilidades criativas na escolha de materiais e cores para a harmonia geral do traje que confecciona.

Anuncio #1
Anuncio #2
Anuncio #3